Legionella

Fantasia / Sobrenatural, Nacional

Baixar Livro Legionella – Redenção Vol 01 – M.A Costa PDF MOBI LER ONLINE

Baixar Livro Legionella – Redenção Vol 01 – M.A Costa PDF MOBI LER ONLINE

Caos, ódio e morte voltam a bater à porta da humanidade. No século XXVI, um grupo racista desenvolve uma super bactéria que mata seletivamente. Caberá a Peter Brose, político jovem, influente e bem intencionado, o desafio de salvar a humanidade de sua autodestruição. Entretanto, sua experiência de vida não o preparou para os fatos deploráveis que se seguirão.

Legionella, primeiro livro da série Redenção, dá o pontapé inicial nesta trilogia de ficção científica com muita ação, suspense e imaginação. Ao mesmo que o mundo idealizado pelo autor tem a plausibilidade como principal característica, os personagens que nele habitam são únicos, e os caminhos que a obra segue são marcados pelo inesperado.

Além de entreter, a obra de M.A. Costa leva o leitor a refletir sobre a essência humana e os caminhos que a humanidade insiste em seguir, apesar de sua privilegiada capacidade de evolução como espécie e de cada um de nós como indivíduo.

Baixar, Livro, eBook, PDF, ePub, mobi, Ler Online

  • ficção científica livro
  • ficcao pdf download
  • livros de ficcção

Opinião do Livro e do autor Baixar Livro Legionella – Redenção Vol 01 – M.A Costa PDF MOBI LER ONLINE PDF MOBI LER ONLINE PDF MOBI LER ONLINE

Esse é a primeira vez que leio um conto. Por isso fico empolgadíssima em dizer que é uma esse foi um belo começo.
Essa história conta as origens dos “Metrovinos” uma sociedade que é nos apresentada no livro Redenção: Legionella, do mesmo autor. O conto começa de forma rápida e já fazendo descrição do Grande Terremoto de Xangai, mostrando toda a devastação, o medo, a luta e o egoísmo humano para alcançar a sobrevivência.

“No centro da Cidade Velha o tremor veio como um dragão furioso acordando que,descobrindo estar acorrentado,rugiu e rasgou a Terra para dar espaço a sua escapada.”

” O instinto de sobrevivência é o mais poderoso dos instintos humanos e, também o mais egoísta.”

Vemos então, um sobrevivente. Ele acorda dentro do metrô em ruínas, e em meio há muitos mortos. Atordoado caminha entre os destroços e inicia a luta para achar a saída. No subterrâneo escuro, ele encara as dificuldades: Lugares destruídos pela catástrofe, a dor, o desânimo…
Nas poucas vinte páginas, Costa, traz um história rápida, emocionante e que nos faz refletir sobre o personalidade humana. Como podemos ser egoístas em meio ao desespero, ou solidários com desconhecidos. Como, mesmo sendo pessoas comuns, podemos enfrentar desafios e vencê-los apenas pela decisão de seguir em frente.
Durante a narrativa, em nenhum momento é citado o nome do personagem. O que foi um surpresa para mim, por que de fato só notei esse detalhe quando se aproximava do fim, onde é revelado o nome do dito sobrevivente, que vem a ser um bom trocadilho que se encaixa perfeitamente na origem dos metrovinos.
Certamente, preferia ler esse conto depois de já ter lido Redenção: Legionella, embora isso não altere muita coisa. O conto é muito bom, e para quem ainda não leu o livro, não vem a ser um problema.
O autor fez uma bela narração. sendo conciso e conseguindo passar as emoções do personagem para o leitor a medida que se avança na leitura.
Esperando ansiosa para ler livro…

Livros Relacionados

Written by dmendes40

Leave a Reply